Sífilis tem Cura

Vivemos em um mundo no qual a informação predomina. Ninguém pode dar a desculpa de que agiu de tal maneira porque não conhecia algum assunto relevante ou que se prejudicou por desconhecer o tema que precisava saber.Uma das situações que não aceitam mais nenhum tipo de pretexto se refere às doenças sexualmente transmissíveis. Hoje em dia existem diversos meios de evitá-las e todos conhecem os prejuízos que esses problemas podem trazer à saúde das pessoas.

No entanto, o Brasil ainda é um dos países que mais sofrem com esse tipo de doença entre sua população. A falta de aulas sobre o assunto nas escolas públicas, a falta de conversas abertas sobre educação sexual entre pais e filhos e a entrada precoce de adolescentes na vida sexual ativa são fatores que agravam essa situação.Dentre todas as doenças transmitidas através do sexo, o que não são poucas quando o ato é cometido sem proteção adequada, a sífilis é uma das que mais se destaca. Causada pelo contágio da bactéria Treponema pallidum, essa doença tem como principal sintoma a úlcera não dolorosa na região genitália. Sem o devido tratamento, torna-se um problema crônico que, com o passar do tempo, é muito doloroso e afeta todo o organismo.

O tratamento O diagnóstico da sífilis é feito por um médico especialista na área. Se houver algum sinal da doença, a pessoa deve imediatamente buscar um hospital para o profissional analisar a situação. Sendo confirmada a doença, o tratamento será iniciado imediatamente.Apesar de apresentar sintomas semelhantes ao longo da doença, o tratamento é diferente para cada fase da sífilis. Se a bactéria tiver causado a doença há menos de um ano, por exemplo, o tratamento será feito através da aplicação de penicilina benzatina, a famosa benzetacil, 2.4 milhões de unidades em dose única. Isso deve eliminar todo o problema.Já se a doença tiver se apresentado há mais de um ano, o tratamento será mais doloroso e demorado.

Deverá ser aplicado benzetacil 2.4 milhões de unidades em três doses, sendo que existirá uma semana de intervalo entre cada uma delas.Apesar de ser um tratamento simples, ele é extremamente eficaz, eliminando o problema em mais de 97% dos casos de pacientes que possuem apenas a sífilis. Como o tratamento é à base de penicilina e algumas pessoas têm alergia a esse medicamento, outras alternativas também estão disponíveis.Essas possibilidades são a tetraciclina, a doxiciclina ou a azitromicina. Porém, os três medicamentos não são tão eficientes quanto a penicilina. Há ainda a chance de fazer um tratamento antialérgico para se tratar com penicilina. Os pacientes que se trataram devem fazer os exames novamente com 6 e 12 meses, sendo que na maioria dos casos estão curados.

Um comentário

  1. andreia cristina pereira

    estou em tratamento como posso saber se estou curada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>