Síndrome Nefrótica

Definição

Síndrome Nefrótica

Síndrome Nefrótica

A síndrome nefrótica é uma coleção de sintomas que ocorrem devido à diminuição dos vasos sanguíneos nos rins, e ele praticamente ficam ‘’esburacados’’. Isso permite que as proteínas – que normalmente nunca são liberadas na urina – deixem o corpo em grandes quantidades.

Descrição

Esses vasos sanguíneos dos rins são chamados de glomérulos. Eles são minúsculos tufos de capilares (o menor tipo de vasos sanguíneos). Os glomérulos estão localizados nos rins, onde eles permitem que certa quantidade de água e outros produtos desnecessários saiam do sangue, basicamente saindo do corpo em forma de urina.

Normalmente, as proteínas não conseguem passar pelos glomérulos. Que são na verdade, uma espécie de filtro para os rins. A síndrome nefrótica, entretanto, ocorre quando esses filtros se tornam defeituosos, permitindo que grandes quantidades de proteínas deixem a circulação sanguínea.

Os pacientes que sofrem desse mal pertencem a grupos de várias idades, embora nas crianças haja um risco maior, principalmente entre os 18 meses e 4 anos de idade. Isso ocorre principalmente nos garotos.

Causas e sintomas

Doenças

Doenças

Ela pode ser causada por várias doenças. O mais comum mecanismo que parece causar esse dano envolve o sistema imunológico. Por alguma razão, o sistema imunológico se torna direcionado contra o rim da própria pessoa.

Os vasos passam a ficar esburacados devido a várias substâncias depositadas pelo próprio sistema imunológico. Diabetes, anemia, leucemia, câncer de mama, reação às drogas, entre vários outros fatores, também pode causar esse mal.

Diagnóstico

O diagnóstico é baseado primeiramente em exames laboratoriais da urina e do sangue. Quando a urina revela níveis significantes de proteína, o sangue revela um nível anormal de proteínas circulando no sangue.

Os testes de sangue também revelam um alto nível de colesterol. Para diagnosticar quais são as causas da síndrome, é feita uma biópsia – onde é retirado uma pequena quantidade do fígado.

Tratamento

O tratamento para a síndrome nefrótica vai depender das causas e da idade da pessoa que tem essa condição. Remédios, mudanças na dieta e cuidado com outras doenças, como o diabetes ou alta pressão sanguínea, são todos possíveis tratamentos para essa síndrome. Esses tratamentos podem reverter, reduzir ou prevenir futuros danos renais.

Prevenção

Fatores

Fatores

Evitar certas situações e controlar outras doenças que podem contribuir para desordens renais, podem às vezes prevenir a síndrome nefrótica. O quanto antes uma pessoa muda esses fatores que prejudicam os rins, melhor.
Alguns fatores são:

– mantenha sua pressão sanguínea sob controle usando os remédios adequados, alimentando-se bem e fazendo exercícios.

– mantenha um controle rígido dos níveis de glicose do seu sangue;

– Tome cuidado com o aumento excessivo de peso;

– Não fume ou use outros produtos danosos;

– evite ficar desidratado. Em casos de vômitos, diarréias ou outras coisas que podem fazê-lo ter desidratação, procure logo se recompor;

– Evite bebidas que contenham cafeína e álcool;

– Evite medicamentos que possam agredir os rins.

Por Carol C.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>