Terçol Pega?

Muitas pessoas já passaram pelo susto de acordar com um certo incômodo em um ou nos dois olhos e ao se olhar no espelho descobrir que está com Terçol. A seguir vamos explicar melhor o que causa esse problema, como tratar, como pega enfim fazer um dossiê completo. Descubra como é fácil dar um jeito nesse problema.

Terçol – Causas

O terçol aparece devido a uma inflamação que se dá em algumas glândulas sebáceas que ficam localizadas na base das pálpebras ou mesmo dos cílios que é conhecida como glândula de Moll, glândula de Zeis ou mesmo glândula de Meibomian. Em geral esse incômodo se dá pela proliferação de patógenos com destaque para as bactérias da espécie Staphylococcus aureus (estafilococos).

Também são causas de Terçol a blefarite que é um tipo de inflamação crônica do olho bem como estresse e mudanças hormonais. A cura desse problema pode levar cerca de 20 dias. Não se trata de um problema sério de saúde, mas costuma causar muita dor causar incômodo estético. Quando o Terçol demora mais do que 20 dias para ser curado é importante procurar um médico.

Sintomas do Terçol

Dentre os sintomas mais comuns que o Terçol causa estão ter sensibilidade à luz; sentir incômodo ao piscar; ficar com a região afetada avermelhada; sentir um tipo de formigamento, coceira ou mesmo ardor na área prejudicada; remelas nos olhos (elas aparecem em curtos espaços de tempo); sensação de areia nos olhos; inchaço das pálpebras; lacrimejamento intermitente; secreções nas mucosos do olho que está afetado; visão embaçada e ainda aparecimento de um ponto amarelo ou vermelho que parece um tipo de grão entre os cílios e a pálpebra.

Imagem de Amostra do You Tube

Tipos de Terçol

Depois de descobrir que você tem Terçol é necessário descobrir qual é o tipo de Terçol que você tem. A seguir vamos explicar um pouco melhor os tipos que existem e como eles se relacionam com a região da pálpebra em que ele está.

Terçol Externo: Consiste num tipo de inflamação de tom avermelhado na borda pálpebra, em geral tem um ponto amarelado que lembra um grão. Em geral esse Terçol é drenado espontaneamente e em pouco tempo melhore.

Terçol Interno: Nesse tipo de Terçol aparece um abscesso que fica longe da borda da pálpebra e que em geral apresenta um ponto vermelho que também lembra um grão. O Terçol interno demora mais para secar (drenar) do que o externo. Quando se passam 10 dias e não há nenhuma melhoria visível é necessário procurar um médico.

Tem casos raros em que o Terçol não é drenado o bastante e como sequela deixa uma bolinha dura no olho. Essa bolinha precisa ser removida com a ajuda de uma cirurgia ou então ser drenada através do uso de uma incisão com bisturi.

Cuidados Com os Olhos

Cuidados Com os Olhos

Dicas Para Não Pegar Terçol

O Terçol é um problema que aparece como o resultado da exposição a bactérias. Dessa forma para evitar esse problema a dica é não tocar, esfregar, perfurar, apertar ou remover o terçol de qualquer maneira. Isso porque ao fazer isso você pode acabar somente disseminando o processo de infecção que causa danos nas glândulas lacrimais ou mesmo o próprio globo ocular.

Tenha melhores hábitos de higiene para garantir que a região fique corretamente limpa e então previna novas infecções. As mulheres não devem usar maquiagem no olho afetado até que haja a cura completa do Terçol. Também se deve evitar o uso de lentes de contato que podem acabar ficando contaminadas e assim fazer a transferência das bactérias para o outro olho que está saudável.

Os olhos tem relação íntima e direta com o sistema linfático e sanguíneo de maneira que quando surge algum problema é necessário procurar um médico imediatamente. Não se automedique, pois existem medicamentos que podem acabar afetando a estrutura dos olhos e da visão.

Imagem de Amostra do You Tube

Recomendações Para o Aparecimento de Terçol

Se você tiver Terçol deve ter o cuidado de fazer compressas com água filtrada e morna, se preferir pode usar soro fisiológico. Faça essa compressa duas vezes por dia. Dentre os cuidados que podem ser feitos estão a higiene da área com um shampoo de pH neutro que agem fazendo a desobstrução dos canículos das glândulas. Enquanto estiver com esse problema lave as suas mãos várias vezes no dia e evite passa-las no local que está infectado.

Compreendendo o Terçol

A função básica das pálpebras é promover a proteção dos olhos de maneira a ajudar a distribuir a umidade por meio das lágrimas. Isso faz com que funcionem como uma barreira física contra possíveis lesões. Existem vários tipos de patologias que acometem as pálpebras e que podem trazer problemas para as estruturas dos olhos.

Um dos problemas que costuma atingir as pálpebras é o Terçol. Como já explicamos se trata de uma infecção causada a uma glândula sebácea conhecida como Zeiss ou Moll. A área afetada acaba ficando inchada e com dor, é importante ainda destacar que pode acontecer outro tipo de patologia na pálpebra que parece com Terçol, mas que na verdade é calázio.

Calázio

Imagem de Amostra do You Tube

É normal que as pessoas pensem que toda e qualquer lesão ocorrida na pálpebra seja Terçol, mas não é bem assim. Pode acontecer de a patologia ser na verdade calázio. A diferença clínica entre os dois problemas está no fato de que o terçol é causado pela inflamação das glândulas de Mol e Zeiss devido a ação de agentes patogênicos de maneira a apresentar rubor, calor e dor. Essa ferida é drenada sozinha em geral.

O calázio é uma inflamação que ocorre na glândula de Meibômio e consiste num processo inflamatório que não é causado por bactérias. Mesmo após controlar o calázio pode acontecer de surgir uma lesão na pálpebra que lembra um granuloma que irá aumentar de tamanho. Esse granuloma impede que a secreção produzida pela glândula seja eliminada.

Fique atento ao fato de que o aparecimento frequente de calázios pode indicar que existe algum tipo de defeito de refração dos seus olhos. É importante procurar um médico para fazer o tratamento correto do problema.


Categoria(s) do artigo:
Doenças

Comentários

  • Muito obrigado por explicar como se trata estou com terçol e vou testar o chumaço do algodão aquecido obg.

    Luiza 5 de janeiro de 2014 15:59

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *